Icó, cidade de fala mansa
Uma viola na música dança
O pássaro que busca encontrar
No ceio da terra encostar
Sinfonia de lendas contadas
O lugar da terra manchada
O sangue de Índios esconde
Com medo a alma açoitada
A brisa que vem afagar
Os dias de sol forte
Com noites de chuva a sonhar
Icó, nasço e morro aqui
Vendo meu povo a sorrir
Sonhando a glória encontrar.
SHARE

Bruno Kaoss

Um apaixonado por todas as formas de expressões artísticas, em especial a Música. QUESTIONADOR... Adoro divulgar informações e promover debates sobre questões sociais, econômicas, políticas, ambientais e culturais.

  • Image
  • Image