Não tomo nada de forma pessoal


Não sou afetado.
Os meus opositores são os meus melhores amigos: de algum modo eles me fazem consciente dos aspectos em que devo mudar.
É assim todas as situações.
Mudando, serei crescentemente FELIZ e estavelmente calmo.
Purificando ao que dizem de mim, ou seja, separando a raiva, e as demais negatividades, sobra o que me interessa: a dica para a minha transformação. Em relação ás negatividades devo ser um “teflon”: nada gruda.
Em relação às dicas, uma esponja: absorvo tudo.


#EscolhaCalma
SHARE

Bruno Kaoss

Um apaixonado por todas as formas de expressões artísticas, em especial a Música. QUESTIONADOR... Adoro divulgar informações e promover debates sobre questões sociais, econômicas, políticas, ambientais e culturais.

  • Image
  • Image