CAMPO DESARMÔNICO (Rosane Shirley e Bruno Kaoss)


Campo Desarmônico
(Rosane Shirley e Bruno Kaoss)

Achei que você ouviria os ruídos do meu silêncio
E que decifraria o meu sorriso semitonado
O Meu olhar bemol, abraço desafinado

Que foi ficando assim da noite pro dia,
Mas a sua teimosia
Vai te machucar bem mais que eu.

Caminho só, em liberdade só.
Sempre sem pressa, sem presas...
Andando só, na estrada só.
Sempre sem pressa...

Não pense muito, nem se importe demais de nada vai valer a pena
Ser tão certo assim, então viva, cante, faça o seu próprio som
Pois os meus acordes eles não cabem no seu tom

O tempo não espera por ninguém
E você perderá seu tempo, 
Se insistir em me esperar, eu sei

Caminho só, em liberdade só.
Sempre sem pressa, sem presas...
Andando só, na estrada só.
Sempre sem pressa...

Achei que você ouviria os ruídos do meu silêncio
E que decifraria o meu sorriso semitonado
O Meu olhar bemol, abraço desafinado

Que foi ficando assim da noite pro dia,
Mas a sua teimosia
Vai te machucar bem mais que eu.

Caminho só, em liberdade só.
Sempre sem pressa, sem presas...
Andando só, na estrada só.
Sempre sem pressa...

*Música que fará parte do meu novo Cd, intitulado:

A 7 PALMOS DO CÉU
SHARE

Bruno Kaoss

Um apaixonado por todas as formas de expressões artísticas, em especial a Música. QUESTIONADOR... Adoro divulgar informações e promover debates sobre questões sociais, econômicas, políticas, ambientais e culturais.

  • Image
  • Image